Empresa de Confecção se instala em Barrânia

Compartilhar

A empresa Fred Rob Confecções, iniciou suas atividades em Barrânia. A empresa está instalada no prédio onde funcionava o Fundo Social do Distrito, que foi adequado para abrigar a oficina de confecção da empresa.

Com sede na cidade de Cabo Verde (MG), a empresa atua em todo território nacional, e veio para Barrânia para concretizar seu projeto de expansão e com o total apoio da atual Administração municipal, está devidamente instalada no município.

O proprietário da empresa, Frank Luís de Oliveira, está muito otimista com a vinda da empresa para Barrânia, Frank afirmou que o trabalho está se encaminhando melhor do que se esperava.
“Tivemos o apoio da Prefeitura com o local e o incentivo. O futuro é promissor”, disse o proprietário da empresa. 

A empresa se instalou com os incentivos da Lei nº 2562, que incentiva a implantação de empresas no município de Caconde. 

A população de Barrânia comemora mais esta conquista. De inicio 6 funcionários foram contratados.

 

Barrânia terá novo coreto e sanitários públicos

Compartilhar

Nos próximos dias será iniciada a obra para construção de sanitários público e novo coreto na Praça Santo Antonio no Distrito de Barrânia.
A obra custará cerca de R$ 120 mil, recurso obtido pela Prefeitura junto ao Governo do Estado. O coreto e o sanitários receberão obras de acessibilidade.
Mais uma antiga reivindicação dos barranienses que será atendida pela prefeitura.

Asfalto e Recapeamento de Ruas

Compartilhar

 

O Prefeito Luciano assinou convenio com o Governo do Estado para asfaltamento e recapeamento de ruas. Emenda parlamentar do Deputado Roberto Engler permitiu a liberação de R$ 200 mil ao município.

Serão asfaltadas as ruas Emilio Tardelli, Benedito Afonso Vargas Souza, Durval Scravoni (próximas ao campo Toca da Raposa) e Rua Treze no Bairro São José III (próximo à caixa d’agua).

Serão recapeadas: trecho da Rua Francisco Maia (frente casa da agricultura), Ruas Heleodoro de Souza Carneiro e Sebastião Correia de Souza (próximas ao Lar Menino Jesus).

Carreta da Costura conclui seu trabalho em Caconde

Compartilhar


No último dia 11, segunda feira, os 60 alunos do curso de Corte e Costura da Carreta da Costura, terminaram a etapa de formação profissional, foram 20 dias letivos de capacitação, os grupos foram divididos em 3 turnos, manhã, tarde e noite.

O principal objetivo da Carreta da Costura é atender às necessidades imediatas de formação de mão de obra, levando qualificação profissional por onde passa, não seria diferente em nosso município, uma vez que existe a demanda das fábricas de corte e costura, que poderão captar os profissionais que passaram por todo este processo de formação.

Os alunos puderam contar com instrutores experientes e uma estrutura que possibilitou uma experiência bastante semelhante ao que é encontrado em fábricas de corte e costura, uma vez que as máquinas da Carreta são as melhores do mercado industrial.

Vale destacar que os alunos receberam uma bolsa auxílio, um mini kit de corte e costura, como também receberão um certificado de conclusão do curso, no final do mês de novembro.

Avaliando toda a formação do curso da “Carreta da Costura”, o saldo foi amplamente positivo, porém aguardamos o grande desdobramento desta formação, que é geração de renda e trabalho, a inserção no mercado de trabalho, seja como empreendedores do próprio negócio, ou trabalhadores formais com carteira de trabalho assinada, uma vez que Caconde conta com empresas no ramo de corte e costura, ressalta Karina Cipolini – Coordenadora do CRAS.

A realização desta formação foi uma parceria da Prefeitura da Estância Climática de Caconde, por meio do Departamento de Turismo e Desenvolvimento Social, Departamento de Assistência Social / CRAS (Centro de Referência em Assistência Social).

A “Carreta do Via Rápida”, programa do governo do Estado de SP, em parceria com o Centro Paula Souza, que oferece qualificação profissional, na área de Corte e Costura. As carretas do Via Rápida Emprego, como são conhecidas por onde passam, já percorreram várias cidades paulistas, viajando pelo Estado, levando cursos de formação profissional nas áreas de Vestuário, Hospitalidade, Soldagem e Metrologia.

Segundo o prefeito Luciano, “a Administração Municipal tem buscado outros cursos de capacitação e formação profissional, e que novos cursos terão inicio em breve”.

Caconde implanta Lei Geral da Micro e Pequena Empresa

Compartilhar

Desde o inicio do ano Caconde trabalha na implantação da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa. O Processo de implantação da Lei Geral foi monitorado pelo SEBRAE-SP de São João da Boa Vista. Diversas visitas técnicas, reuniões com técnicos da prefeitura e consultores do SEBRAE foram realizadas durante este período, para que a Lei fosse implantada com sucesso.

A implantação da Lei Geral foi um trabalho em conjunto entre Prefeitura, Câmara de Vereadores e SEBRAE e consolidam o sistema de políticas públicas com inclusão de microempreendedores e empresas de micro e pequeno porte.

Segundo o prefeito Luciano, “a Lei Geral MPE vem auxiliar no desenvolvimento e crescimento econômico do município, e complementa o trabalho da Administração Municipal, que vem realizando diversos atividades e obras para o desenvolvimento econômico do município, entre elas o Centro Empresarial e cursos de capacitação de mão de obra”.

A Lei Geral das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte foi instituída em 14 de dezembro de 2006 (Lei Complementar Federal 123/2006) para regulamentar o disposto na Constituição Brasileira, que prevê o tratamento diferenciado e favorecido à microempresa e à empresa de pequeno porte, nas compras governamentais de municípios, estados e do Governo Federal . 

A Lei Geral foi concebida com ampla participação da sociedade civil, entidades empresariais, Poder Legislativo e Poder Executivo. Já atravessou quatro rodadas de alteração (Leis Complementares 127/2007, 128/2008, 133/2009 e 139/2011), sempre com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento e a competitividade das microempresas e empresas de pequeno porte brasileiras, como estratégia de geração de emprego, distribuição de renda, inclusão social, redução da informalidade e fortalecimento da economia. 

Através da Lei Geral, foi instituído o regime tributário específico para o segmento, com redução da carga de impostos e simplificação dos processos de cálculo e recolhimento, que é o Simples Nacional. Além disto, a Lei prevê benefícios para as pequenas empresas em diversos aspectos do dia-a-dia, como a simplificação e desburocratização, as facilidades para acesso ao mercado, ao crédito e a justiça, o estímulo à inovação e à exportação. 

Segundo Reginaldo A. de Souza (Régis), Diretor de Desenvolvimento do município, a Lei Geral da MPE traz muitos benefícios “para empresas e as prefeituras, e isso fortalece as compras governamentais nos municípios, além do trabalho dos agentes de desenvolvimento, que são o elo entre esses setores e este trabalho é de grande importância para o desenvolvimento econômico do Município". 

 

Iniciado curso de costura industrial.

Compartilhar

Foi iniciada, hoje, dia 14, com uma Aula Inaugural, o Curso de Costura Industrial do Programa Via Rápida Emprego. A unidade móvel está instalada na Praça Ranieri Mazzilli em frente à Básilica, e atenderá três turmas de alunos em diferentes horários.

O prefeito Luciano esteve presente na aula inaugural e deu boas vindas aos aluno do curso. Estiveram presentes também Régis (Diretor de Desenvolvimento), Marli Bocamino (Diretora de Assistência Social), Karina Cipollini (Coordenadora do CRAS) e Valdeli Nóbrega (Diretor da ETEC Rio Pardo).

Segundo o prefeito Luciano ‘‘O curso é uma grande oportunidade para o desenvolvimento local, na qualificação profissional, inserção no mercado de trabalho e geração de renda’’.

A estrutura disponível no curso permite uma experiência muito semelhante ao que é encontrado em fábricas e oficinas com diversas máquinas de última geração, mesa de corte e todo o material necessário.

O Via Rápida é um programa do Governo do Estado de São Paulo que oferece mais de 150 cursos gratuitos em diferentes áreas com duração de até 90 dias, e podem ocorrer em unidades fixas (do próprio Via Rápida, nas ETECs, SENAIs, SENACs, entre outras) ou móveis, no caso, as carretas com cursos específicos.

Os cursos são uma parceria da Prefeitura através do Fundo Social, dos Departamentos de Assistência Social e Desenvolvimento com o Governo do Estado.

Programa Via Rápida: Unidade Móvel do curso de costura industrial está em Caconde.

Compartilhar

Por iniciativa da Prefeitura, cerca de 60 pessoas iniciarão nos próximos dias a capacitação de corte e costura industrial, na carreta do Via Rápida Emprego. A unidade móvel está instalada na Praça Ranieri Mazzilli em frente à Básilica, e atenderá três turmas de alunos em diferentes horários.

As carretas do Via Rápida Emprego, já percorreram algumas cidades paulistas, levando cursos de formação profissional nas áreas de Vestuário, Soldagem e Metrologia. Vale ressaltar é a primeira vez que a Carreta vem para nossa região.

O principal objetivo da Carreta de Corte e Costura é atender às necessidades imediatas de formação de mão de obra.

A estrutura disponível no curso permite uma experiência muito semelhante ao que é encontrado em fábricas e oficinas com diversas máquinas de última geração, mesa de corte e todo o material necessário.

Uma grande oportunidade de desenvolvimento local, na qualificação profissional, inserção no mercado de trabalho e geração de renda.

O Via Rápida é um programa do Governo do Estado de São Paulo que oferece mais de 150 cursos gratuitos em diferentes áreas com duração de até 90 dias, e podem ocorrer em unidades fixas (do próprio Via Rápida, nas ETECs, SENAIs, SENACs, entre outras) ou móveis, no caso, as carretas com cursos específicos.

Além do curso que está acontecendo na unidade móvel, outro curso tem sido ofertado em Caconde: o de rotinas básicas de escritório. Além da oportunidade de qualificação profissional, os alunos ainda recebem uma bolsa auxílio, e valores de auxílio alimentação e transporte, no período da frequência no curso.

Os cursos são uma parceria da Prefeitura através do Fundo Social, dos Departamentos de Assistência Social e Desenvolvimento com o Governo do Estado.

 

Iluminação do Centro Empresarial é ligada

Compartilhar

A iluminação pública no Centro Empresarial foi ligada e testada na última semana. O investimento ficou em torno de R$ 450 mil, recurso obtido junto ao governo do Estado.

 

O Centro Empresarial já possui redes de água e esgoto, galerias, guias e sarjetas, reservatório de água, além de acessos pavimentados pelo anel viário e Av. Henrique Agostineto.

 

Por outro lado o projeto de Lei foi aprovado pela câmara, licenças de Instalação e operação já foram emitidas pela CETESB. Resta agora o registro dos lotes no cartório, o que será feito com brevidade.

 

Em pouco tempo os interessados em instalar empresas no Centro Empresarial já poderão encaminhar pedidos à comissão que cuidará do assunto.

 

 

 

 

Caconde receberá Carreta para curso de Corte e Costura

Compartilhar

Em breve Caconde, receberá a “Carreta do Via Rápida”, programa do governo do Estado de SP, em parceria com o Centro Paula Souza, que oferece qualificação profissional, na área de Corte e Costura.

As carretas do Via Rápida Emprego, já percorreram algumas cidades paulistas, levando cursos de formação profissional nas áreas de Vestuário, Soldagem e Metrologia. Vale ressaltar é a primeira vez que a Carreta vem para nossa região.


O principal objetivo da Carreta de Corte e Costura é atender às necessidades imediatas de formação de mão de obra. A estrutura disponível no curso permite uma experiência muito semelhante ao que é encontrado em fábricas e oficinas com diversas máquinas de última geração, mesa de corte e todo o material necessário.